Agência ABEAR
Informações oficiais do setor aéreo; conteúdo pode ser reproduzido livremente pela mídia, mediante crédito para a fonte.

São Paulo supera expectativa de fluxo de turistas na Copa

Por Vinicius Garcia*

São Paulo

Depois de 32 dias e 64 jogos, a Copa do Mundo do Brasil terminou com bom saldo para a cidade de São Paulo. Segundo dados da Associação Brasileira de Agências de Viagens (ABAV), a capital paulista foi a cidade que mais recebeu turistas durante a competição. Pelo menos 495.859 passaram por São Paulo, sendo 299.312 brasileiros e 196.547 estrangeiros.

Importante hub para as companhias aéreas brasileiras, o Aeroporto Internacional de Guarulhos (Cumbica) superou os prognósticos que apontavam a vinda de 240 mil turistas à cidade. Isso foi visualmente perceptível a cada visita que fiz no terminal. O que se via era uma mescla de culturas representadas nas cores das camisas que coloriam o aeroporto.

Um dia antes do confronto entre argentinos e suíços em São Paulo, por exemplo, o aeroporto de Guarulhos era alviceleste. Seja com a camisa argentina, com uma bandeira ou com qualquer outro ornamento, o azul e branco era visto pelo menos a cada dez metros, misturando-se desde ao azul da camisa do Japão até o verde da Nigéria.

A campanha longeva na Copa e a proximidade entre os países garantiram à Argentina o posto de país que mais trouxe turistas estrangeiros a São Paulo. Um estudo da São Paulo Turismo (SPTuris) aponta que 31,7% do total de turistas estrangeiros foram argentinos, seguidos por chilenos (17,7%) e uruguaios (8%).

O jogo da semifinal do dia 9 de julho teve grande influência nesse índice. No dia da partida foi registrado um aumento de 26% do movimento aéreo (pousos e decolagens) em comparação com a média das demais segundas-feiras do mês de maio, segundo o Departamento de Controle do Espaço Aéreo (DECEA). De acordo com a Secretaria de Aviação Civil, das 4.372 aeronaves que sobrevoaram o país naquele dia, 1.176 passaram por Cumbica ou Congonhas, o que representa 27% do tráfego aéreo nacional.

O período da Copa demonstrou que a malha aérea de São Paulo está apta a receber grandes eventos e Cumbica se consolida cada vez mais como hub. O que fica é a precoce saudade do clima cosmopolita e de integração entre os povos vistos nos aeroportos, bares ou ruas.

*Programa Jovens Jornalistas

Notícias Relacionadas

A ABEAR foi criada em 2012 pelas companhias AVIANCA, AZUL, GOL, TAM (hoje LATAM) e TRIP, com a missão de estimular o hábito de voar no Brasil. A entidade tem ainda mais seis associadas: Boeing, Bombardier, LATAM Cargo, MAP, Passaredo e TAP. Saiba mais
  • Av. Ibirapuera, 2332 - Conj. 22 - Torre Ibirapuera I
    Moema | 04028-002 | São Paulo | SP
    + 55 11 2369-6007
  • Av. Marechal Câmara, 160, Ed. Orly, 8º andar - sl. 832 |
    Centro | 20020-080 | Rio de Janeiro | RJ
    + 55 21 2532-6126
  • SAUS Quadra 1 - Bloco J , 10/20 - Edifício CNT - Sala 506
    70070-944 | Brasília | DF
    + 55 61 3225-5215